terça-feira, 30 de março de 2010

Sem mais.




Dedicado a Lohren Beauty e Deco Ribeiro


Parte 1

Estava tudo pronto. A roupa passada, a sandália separada. Queria se sentir uma rainha, a mais linda e poderosa de todas as drag's que ia encontrar. Se vestiu como se nada fosse mais importante, passou a maquiagem no rosto com alguma dor, e calçou a sandália com cansaço. Como se prevesse que por mais bonita que ficasse, nada ia mudar. Na rodoviária, com seus amigos, foi pela última vez, em direção a felicidade que nunca mais seria sua.

Parte 2

De alguma forma tudo estava diferente. De seus amigos, agora os sentia tão distantes, ao grupo, via que tudo aquilo era o que mais queria mas não possuia mais. Daquela forma, de um jeito ou de outro, estava errado mesmo. Não era o que sempre viveu, durante um ano, e sabia que alí não era mais o seu lugar.


Parte 3


Com dores, e com o coração na mão, voltava, não queria mais nada, queria apenas chorar, esquecer. Em casa, alguns comprimidos, lágrimas, lágrimas e jovens arco íris saindo, bailando, brilhando e colorindo seu sono. Sem mais voltar.

Parte 4

No dia seguinte mancou o dia inteiro de dor nos pés, do salto alto que teve coragem de usar o dia anterior inteiro. Precisava mostrar para todos que sua beleza era maior que sua tristeza, mas não conseguira. Todos viram que estava abatida. E pensando, agora em casa, ela vira o quanto aprendera, o quanto crescera, e o quanto era feliz por ter conquistado tantos amigos alí. Agradecia tanto! Aquilo tudo, levaria para a vida inteira, mas jamais seria uma experiência eterna.
O amor e dedicação a que ela se deu ao grupo foi algo que só ela sabe e entende, mas agora ela vê que precisa continuar,feliz, ativista, mas de outras formas, conhecendo outras pessoas, e crescendo cada vez mais como pessoa.


DudibilisWoodabolis;

2 comentários:

  1. A que pena, é o que entendi mesmo!?
    você foi e sempre será muito importante pra nós; a porta estará sempre aberta quando quiser voltar...Beijim da Lohren Beauty!!

    obs. manda as fotos que você tirou pra gente!! :) irei adorar!!

    ResponderExcluir
  2. Caríssima e queridíssima,

    ainda hoje me espanto da forma que nos conhecemos. E do que desenrolou depois deste inusitado encontro de dois seres que dividem um mesmo espaço para um mesmo fim: escrever com amor.
    A despeito das peculiaridades de escrita, da preferência estilística, a força motriz é a mesma. E isto é o que conta. Não espere de mim críticas, pois sou medíocre e aprendiz. Espere de mim observações e opiniões de quem ainda se inspira em textos de outros.

    Gosto muito daqui!

    Um beijo

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget

A TOCA;

Criação do Layout por
Fabricio Leal
leal_fabricio18@hotmail.com